..Bem vindo ao mundo invertido, surreal, abstrato e desconexo que surge a partir desta realidade imaterial.. cada vez mais invertido, surreal, dadaista,expressionista, abstrato, desconexo e subversivo, com muito orgulho disto..

05 maio, 2010

Diario de um perdido #7


No fim tudo se resume a poucos momentos que serão lembrados, alguns mais do que outros, alguns dias menos lembrados e quem saber até esquecidos por quem os vivenciou conosco.
Um pensamento triste porem necessário para alguns pararem e perceberem o quanto tem sido vazios em suas vidas mundanas, embora eu não venha sendo muito diferente, mas o conhecimento nos traz algo que a grande maioria não percebe que é a fatalidade que estamos á que estamos vinculados desde o momento que viemos a existir.

Poucas coisas me fazem refletir, porem alguns poucos também se importam, outros muitos sabem que está ali, mas ignoram e a maioria vai levando a vida pitando a realidade com as cores que tem em mãos, se só conhecem a cor do amor buscam o tom mais forte que encontram e o abraçam com medo de perder o achado, se conhecem a cor da fatalidade ficam atormentados com o destino devastador que lhes espera, embora existam infinitas cores para serem usadas como base as pessoas buscam apenas aquelas conhecidas, o desconforto do inesperado provoca reações que muitos não agüentariam, por isso aprecio as pessoas que buscam o que acreditam seja lá esta busca infrutífera ou não, o mundo evoluiu baseado em buscas por respostas, não é mesmo? Porque não ser destruído por esta busca?
Enfim uma conclusão um pouco drástica e cinzenta, embora não possa dizer que seja uma mentira, acho melhor mudarmos o ponto de vista para não acabarmos chegando a outra resposta apocalíptica relacionada à percepção de mundo e seus destinos paralelos aos atos que nós tomamos, então sobre o que iremos abordar uma temática? Acho que as idéias fugiram de mim hoje, como sempre ocorre quando preciso delas.
Um bom tema, idéias que fogem, porque será que elas fogem? Deve haver algum estudo sobre isto irei procurar, depois ponderarei um pouco e quem sabe faça um post sobre o assunto, não dou muita certeza, pois ninguém sabe o que virá a seguir nas ondas do universo, então acho que este é o fim do post, sugiro que procure outro para ler. FIM

Nenhum comentário: