..Bem vindo ao mundo invertido, surreal, abstrato e desconexo que surge a partir desta realidade imaterial.. cada vez mais invertido, surreal, dadaista,expressionista, abstrato, desconexo e subversivo, com muito orgulho disto..

22 janeiro, 2014

Diarios de um perdido #58


sinto essa sensação connhecida, o medo da morte, o fim de tudo, querendo você, a mescla que me destrói enquanto vc sorri na foto. lagrimas enquanto digito. nao vale a pena ficar tentando chamar sua atençao, não quando vocÊ não vale a pena. estou te colocando como uma deusa, você merece. te amo.
não sou nada alem de uma falha, minha falha, um erro para você. uma parte horrivel para seus lembranças, quero perder e depois recuperar. mas tenho medo de você não conseguir.
sei lá, são apenas palavras, não fiz ações ainda, estou me escondendo nesse mar de desilusão, dor e nada.
tenho medo de ficar sozinho, mais do que tudo, não quero você longe de mim.
Mais lagrimas.
--
cada palavra destas que eu escrevo nunca serão lidas, vistas ou compreendidas, sei que você não existe. não há nada aqui além de eu digitando e divagando sobre dores exageradas e sem significado.
você que não existe é só uma esperança que vai morrer assim me ignorar mais uma vezes. nunca irá ler meus pensamentos ou se interessar pelas sensações que eu estou cultivando dentro desse amor maculado.
estou sozinho e dolorido, cansado de não saber onde iremos parar.
só não quero mais ficar sem você, sem o seu sorriso, o seu calor, seu amor.
preciso de vc. = [

Nenhum comentário: